De visita, visitado, visitando...

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Que Horas São?

Quem vem lá???

online

Posts recentes

De regresso...

Seguidinhas...

Andando pela "Montanha Ru...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

E o Guga?...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

Voltando a pôr a escrita ...

Voltando a pôr a escrita ...

Quantos São?!?!? Quantos São?!?!

free html counters
Dell Coupons

 

 

 

Outras Visitas

tags

todas as tags

Arquivos

subscrever feeds

Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2009

Caros Visitantes, estou de volta...

 

 

...com um parafuso a menos....aaaaa.... quero dizer... com um órgão a menos, mas estou de regresso!

 

 

Antes de responder a todos os comentários que me fizeram, quero desde já agradecer a todos os que, mais ou menos frequentemente, me ligaram, a saber do meu estado de saúde.

 

A todos, um sentido "muito obrigado"! Vocês não fazem uma pequena ideia do quanto me ajudaram a ultrapassar esta semana de internamento.

 

Bom, e agora, vou contar-vos um pouco da minha odisseia destes últimos oito dias, que, como vocês sabem, começou assim.

 

Na sexta-feira 9, de missiva da minha médica de trabalho em punho, saí do meu emprego e dirigi-me de imediato às urgências do Hospital de S. José, onde dei entrada às 17:58.

 

Após a recepção, fui submetido a raio-X, análise ao sangue e ecografia abdominal.

 

HM 

 

Tudo isto, como é lógico, em "velocidade de caracol". No momento em que tirei esta foto com o meu telemóvel, estava à espera de poder fazer a ecografia, coisa que só aconteceu cerca das 23:00.

 

Também é preciso ter em conta que aquele Banco do Hospital de S. José estava pejado de doentes com gripe.

 

Após a ecografia, a jovem médica que me atendeu ("una nuestra hermana" de trato impecável) disse-me com o ar mais natural deste mundo (e num português arrevezado): "O Sr. já não vai sair, pois irá ser operado esta noite".

 

(Não fiquei surpreendido. Antes de sair do emprego, eu pesquisara na internet elementos acerca daquilo que se suspeitava eu tivesse. E vi que quase todos os casos redundavam em intervenção cirúrgica. Como tal, eu já ia mentalizado).

 
Convoquei mulher e filhote para irem ter comigo a S. José e disse-lhes o que iria acontecer. Passei a chave do meu carro ao meu filho para que ele o levasse para casa.

 

Depois, a troca de roupa (brrrr! estava frio!), e a ida de maca para o bloco operatório - o mesmo bloco onde eu tinha sido operado ao nariz três anos antes e que sofreu profundas obras de beneficiação, tendo agora um muito melhor aspecto.

 

Estava eu a apreciar a parafernália de equipamento à minha volta enquanto a médica anestesista dava instruções aos enfermei....

 

...

 

 

..."Sr. Henrique!!!", ouvi eu....

 

Abri os olhos, fechei-os e abri-os de novo... e disse, já em tom de brincadeira, para os presentes: "Eh pá, vocês fazem uma má vizinhança desgraçada! Não deixam um tipo dormir sossegado!"  Eram 03:40.

 

Passei a mão pelo abdómen e dei conta dos meus novos e provisórios "adereços". Prudentemente, retirei a mão. Afinal, ainda estava meio-"grog"...

  

HM 
 

 

 

A jovem médica veio ter comigo para se inteirar do meu estado, e explicou-me o que fôra feito: a minha vesícula estava totalmente inflamada, inclusivamente com um rompimento que só não deixou a inflamação espalhar-se para os orgãos vizinhos porque alguns cálculos (vulgo "pedras"), o obstruíam .

 

Aaaaa... onde é que eu ia?... AH!, já me lembro!

 

Depois de algumas horas no recobro do bloco operatório (estava lá tão bem...), era a altura do meu primeiro banho pós-operatório. Apropriadamente designado por "lavagem à gato", consiste numa lavagem feita na própria cama do recobro, onde temos de nos virar para um lado e para o outro enquanto nos passam um pano húmido pelo corpo (as "partes gagas" são limpas pelo próprio doente... hehehehe).

 

Depois, avisaram-me de que iria ser transferido para o Hospital dos Capuchos, onde está sedeado o serviço especialista dos casos como o meu.

 

Uma curta viagem de ambulância e eis-me a entrar no Hospital dos Capuchos (... Visitantes, quando um tipo está numa maca de uma ambulância, num pós-operatório de poucas horas, aí sim, é que sente NA PELE - e na zona operadaui ui!! - como as ruas de Lisboa são irregulares... ufa!!).

 

E pronto... estou numa cama de hospital pela segunda vez na minha vida.

 

Depois de cumpridas as formalidades, preparei-me para os dias de convalescência que fossem necessários, para o que me armei de maciças doses de paciência e bom humor.

 

 

(Continua)

 

 

Visitante

Sinto-me:
Música: "Cuts Like a Knife" (Bryan Adams)
Publicado por Visitante às 20:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
9 comentários:
De Que sera...sera a 16 de Janeiro de 2009 às 22:35
Olá!
Bom regresso a casa!
Toca a portar-se como um
Boa convalescença.
Um abraço,
Doriis.
De Visitante a 17 de Janeiro de 2009 às 16:47
Eu porto-me sempre como um ...

O pior é que isso depende da perspectiva de que me vê a portar-me como um ...

hehehehe

Obrigado, Doris

Beijinho
Visitante

De Docetere a 16 de Janeiro de 2009 às 23:13
Ainda bem que o bom humor se instalou e está a actuar,...aqui no blogar, pelo menos. Boa convalescença e um abraço de Docetere/Docequimera
De Visitante a 17 de Janeiro de 2009 às 16:48
Obrigado, Doce

Beijinho
Visitante
De MJose a 17 de Janeiro de 2009 às 00:00
Hummmm...
Estava a ler e quase consegui visualizar ...
A familia e os amigos por perto e esse bom humor!
Ajudam mesmo ...
Fico à espera da continuação!
E desejo melhoras rápidas e um recuperação plena.
A dieta... custa um bocadito mas é um mal menr :)

Um Abraço
MJose
De Visitante a 17 de Janeiro de 2009 às 16:50
Olá, Maria José

Haja vontade e a dieta faz-se... e surte efeito!

Já lá vão 8 kgs...

Beijinho
Visitante
De O Gato a 17 de Janeiro de 2009 às 10:01
Então rapaz?
Agora que já sei que estás em cas vê lá se descansas da odisseia que tiveste toda a semana.

Bem me parecia que as Espanholas te andavam a fazer mal à vesícula.

Quero é que fiques melhor rapaz,tudo a correr bem
Abraços
De Visitante a 17 de Janeiro de 2009 às 16:52
Ay hombre, quien te hay dicho eso?

Mi vesicula se fue porque estava mala, muy mala...

Aham... aaa....

Obrigado, Calmeirão

Um abraço
Visitante
De lina a 9 de Janeiro de 2011 às 17:14

Henri, as melhoras!Image
Sabes qdo fiz os meus exames para ser operada descobriram que as areias da minha vesícula viraram pedragulhos e qq dia tinha que a retirar. Tenho problemas de digestão e de vez enqdo crises bahhnnn
Mas dessa já te livrás-te continuação de boa recuperação beijinhosImage

Comentar post

GENESIS - FADING LIGHTS