De visita, visitado, visitando...

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Que Horas São?

Quem vem lá???

online

Posts recentes

De regresso...

Seguidinhas...

Andando pela "Montanha Ru...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

E o Guga?...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

Voltando a pôr a escrita ...

Voltando a pôr a escrita ...

Quantos São?!?!? Quantos São?!?!

free html counters
Dell Coupons

 

 

 

Outras Visitas

tags

todas as tags

Arquivos

subscrever feeds

Sábado, 23 de Junho de 2007

Palavras soltas (para cumprir calendário, talvez...)

 

H.M.

 

Por vezes apetece-me escrever, escrever, escrever, redigir frases sem sentido, dispersar cenas dignas de um Eugène Ionesco, pôr cá para fora tudo aquilo que me vai na alma, mesmo que possam ser sentimentos contraditórios...

 

Queria poder escrever tudo aquilo que me desse na realíssima gana, poder disparar a torto e a direito...

 

Mas para o fazer, teria de me esconder atrás de uma personagem fictícia qualquer, um "alter ego" que pouco tivesse a ver comigo... e por isso MUITO me diria respeito...

 

Eu não me esconderei. Sobretudo agora.

 

Sabem que mais?...

 

Vou pôr aqui um poema que escrevi há um ano atrás. Chama-se

 

SOLSTÍCIO DE JUNHO
 
A Terra transladou à volta do Sol
Completou o seu ciclo no Espaço 
Iniciado no solstício de Junho,
Numa órbita iniciada com forte traço,
Pintado a pincel pelo meu punho,
Mas concluída com um fiozinho difuso,
De lapiseira quase sem mina
Num cinzento baço

 

 

Agora...

 

... bom, agora, está na altura de me ir deitar... Por isso...

 

Vou dormir
Ressentido
Com uma batalha a travar-se na minha cabeça
com fragor...
Guerra sem vencedor
Nem vencido
 
Amanhã acordarei sobressaltado
Ao som do meu despertador
Objecto
Abjecto
Projéctil em Projecto
Que me deixa num furor
Tramado...
 
Como posso começar bem um dia assim?
Como posso desejar o melhor para mim?
Como posso eu ter sossego, enfim,
se a Paz nada quer de mim?
 
Voltarei a dormir
Ressentido
Sem que esta batalha tenha acabado
Guerra sem vencedor
Nem vencido
Num esquema mil vezes repetido

 

 

Tenham uma boa noite e um bom fim de semana

 

Visitante

 

 

Sinto-me:
Música: "Famous Last Words"
tags: ,
Publicado por Visitante às 01:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

GENESIS - FADING LIGHTS