De visita, visitado, visitando...

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Que Horas São?

Quem vem lá???

online

Posts recentes

De regresso...

Seguidinhas...

Andando pela "Montanha Ru...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

E o Guga?...

Uma ida à Motorclassico 2...

Uma ida à Motorclassico 2...

Voltando a pôr a escrita ...

Voltando a pôr a escrita ...

Quantos São?!?!? Quantos São?!?!

free html counters
Dell Coupons

 

 

 

Outras Visitas

tags

todas as tags

Arquivos

subscrever feeds

Sábado, 22 de Março de 2008

Aqui...

HM

Praias do Norte, 16 MAR 2008

 

Realmente, há coincidências inexplicáveis...

 

Este bar, situado junto a uma praia, foi palco de vários encontros entre duas pessoas amigas.

 

Duas pessoas que tinham uma amizade cúmplice...

 

Tenho bem presente na memória os fins de tarde, algumas vezes de conversa amena, outras vezes de contemplação do pôr-do-sol, sempre com um café e um bolo seco à frente...

 

Mas as circunstâncias da vida ditaram o afastamento de ambos, tornando impossível a repetição desses encontros...

 

... afastamento que se transformou em distanciamento...

 

... intensificando-se num silêncio persistente a qualquer nova tentativa de contacto...

 

... e, perante tal silêncio (que tomei como uma desconsideração, no mínimo...), culminando num corte de relações total.

 

E assim se demoliu um local simbólico...

 

E se transformou em escombros o que era uma bela amizade.
 

 

Tenham um bom fim de semana

 

 

Visitante

Sinto-me:
Música: "Walking Away" (Craig David)
Publicado por Visitante às 00:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
2 comentários:
De carla a 25 de Março de 2008 às 23:10
Ás vezes na vida, é necessário demolir qualquer coisa, edificios, atitudes ou até amizades...mas quando algo é demolido, é pk o que se reconstrói é muito mais forte...então, quem sabe se esse distanciamento não é apenas a reconstrução? gostei do texto
De Visitante a 26 de Março de 2008 às 09:04
Olá, Carla, e obrigado pelo seu comentário.

Aquele distanciamento poderá ser sinal de reconstrução, sim...

Mas não com os materiais deste empreiteiro...

Beijinho
Visitante

Comentar post

GENESIS - FADING LIGHTS