De visita, visitado, visitando...

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Que Horas São?

Quem vem lá???

online

Posts recentes

Andando de eléctrico...

Não há fome que não dê em...

Quantos São?!?!? Quantos São?!?!

free html counters
Dell Coupons

 

 

 

Outras Visitas

tags

todas as tags

Arquivos

subscrever feeds

Sábado, 28 de Agosto de 2010

Andando de eléctrico...

 

 

Olá, Visitantes

 

 

Quem já teve oportunidade de ler alguns dos disparates que eu escrevo aqui neste meu canto decerto já chegou à conclusão de que eu sou "um bocadinho apanhadinho" por carros eléctricos.

 

Eu até tenho um blog expressamente destinado ao tema!...

 

Pois bem, desta vez fui andar de eléctrico para outras bandas que não Lisboa.

 

Eu já tinha "ameaçado" aqui... e agora cumpri a ameaça... hehehehe.

 

Uma bela sexta feira à tarde, este vosso amigo pegou no DJ e levou-o para o parque de estacionamento junto à estação de caminhos de ferro da Portela de Sintra.

 

Arrumado que foi o automóvel, tempo para apreciar um pouco a paisagem...

Uma das vantagens de andarmos a pé é a de nos permitir apreciar vistas como esta, coisa que nos está interdita quando passamos por aqui a conduzir.

 

Meti pernas ao caminho para ir apanhar o eléctrico que liga Sintra à Praia das Maçãs.

 

Como tive de passar por aqui, "dei ao dedo" no meu "tijolo"... olhem só o Castelo dos Mouros e o Palácio da Pena...

 

... e ainda o Centro Cultural Olga Cadaval.

 

Quando cheguei ao término, já o carro estava praticamente cheio, restando-me um lugar para viajar de costas para o percurso.

 

"OK", pensei resignado, "tirarei fotografias no regresso..."

 

E assim foi.

 

Na Praia das Maçãs, consegui lugar no assento da frente do eléctrico...

 

...o que me possibilitou a melhor perspectiva para a viagem. Ora vejam só!

 

Um pormenor: vocês decerto já ouviram a expressão "até vai a nove", que pretende dar ideia de rapidez. Ora bem, essa expressão nasceu dos eléctricos, sabiam? E foi vulgarizada por causa disto: o controlo deste carro eléctrico (que data do início do século XX) tem um ponto morto e oito pontos de aceleração (totalizando nove), sendo que o nono ponto corresponde à velocidade máxima - que, para o início do século, seria de uns estonteantes 30 a 35 km/h... hehehehe

 

Mas deixemo-nos de histórias e passemos à viagem. Todo o percurso, salvo algumas excepções, ladeia a estrada entre Sintra e a Praia das Maçãs. A paisagem é enorme, os pormenores, deliciosos...

 

Saindo da Praia das Maçãs, a caminho do cruzamento da Praia Grande. Na encosta, vê-se Almoçageme

 

Estamos a chegar a Colares, local onde se encontra uma pequena estação de recolha. À esquerda, a Adega Cooperativa de Colares

 

Dentro de Colares, estes são locais onde a linha se desvia da estrada

 

 

Esta casa é espectacular!

 

E pronto, aqui estamos de novo junto à estrada...

 

Eis aqui um menino que adora eléctricos ... hehehehe

 

Em Galamares, o cruzamento com o eléctrico nº 7

 

Já se vê o Castelo dos Mouros, lá no alto...

 

Chegada à Ribeira de Sintra. O edifício com o boneco é o Centro de Ciência Viva (nota mental para uma futura visita...), e lá atrás podemos ver a estação de recolha dos carros eléctricos.

 

A partir daqui é sempre a subir. Eis a Várzea de Sintra.

 

A passagem em frente ao Hockey Club de Sintra

 

Mais um de muitos pormenores desta viagem...

 

Oficialmente, entramos em Sintra...

 

... terminamos a nossa viagem...

 

...e, finalmente, apeamo-nos do carro eléctrico.

 

Fotos HM

 

 

O eléctrico de Sintra funciona apenas às sextas-feiras, sábados e domingos, durante os meses de verão. O preço de cada viagem é 2,00 euros.

 

Mesmo que esteja longe de ser confortável, pois o percurso é sinuoso e em constantes solavancos, esta é uma viagem que vale a pena fazer, acreditem!!!

 

 

Tenham um excelente fim de semana.

 

 

Visitante

 

Sinto-me: ... turista
Música: "O Bailarico Saloio"
Terça-feira, 27 de Julho de 2010

Não há fome que não dê em fartura (parte 4)

 

 

... E, Visitantes, cá estou eu de novo, para acabar de pôr a escrita em dia!

 

 

Há alguns belos dias atrás, achei por bem dar uma voltinha até aqui:

 

Um local aprazível, cheio de turistas de fim de semana...

 

Não, Visitantes, não é Santa Cruz!!!

 

Algures neste largo, o DJ ficou a descansar os seus pneus, enquanto os donos foram dar uma voltinha pelas redondezas.

 

Isso significou darmos um pulinho até à beira da praia, que das Maçãs tem o nome hehehehe...

 

 

Embora não estivéssemos "equipados" como deveríamos, mesmo assim andámos um pouco pelo areal a gozar a paisagem...

 

 

Traineiras em doca seca?... Não! Pezinhos mimosos calçados com sapato tamanho 44...

 

 

Aqui o terminal da carreira de eléctricos que liga Sintra à Praia das Maçãs. E este ano garanto-vos que não passo sem fazer uma viagem nesta linha... com a correspondente reportagem fotográfica, claro!

 

 

...Pois este "chaço" proporciona uma viagem muito bonita...

 

 

É a viagem que é bonita, oh pá!, e não tu! Sai daí para não estragares a paisagem!! GRRRRR!!!

 

 

A tarde soalheira, o calor a apertar... é claro que só podíamos abancar num café e saborear este geladinho tão bom...

 

 

Depois, rodas ao caminho para o regresso a casa. Na Ribeira de Sintra, o cruzamento com outro eléctrico.

 

 

A Várzea de Sintra, vista da estrada que liga Colares a Sintra

 

Fotos HM

 

 

E assim concluo esta pequena série com o título "Não há fome...".

 

 

Agora vou estar uns dias ausente, em Santa Cruz, para gozar "os beijos do sol e abraços do mar" (alguém se lembra desta canção?...).

 

 

 

Visitante

 

 

 

Sinto-me: ... turista
Música: "On the Beach" (Chris Rea)

GENESIS - FADING LIGHTS