1 comentário:
De carmemzita a 23 de Fevereiro de 2008 às 22:51
Que bom meu amigo!
Afinal também és um contador de histórias.
Com toda essa imaginação dentro de ti, as tuas viagens perdem a monotonia, e são sempre grandes aventuras.
Li o teu barco ao abandono...talvez lhe faça um poema...qualquer dia verás, o requiem na Ria...que faz disputa a el-Rei Dom Fernando...
Beijos prateados
CarmenZita

Comentar post